fbpx

África do Sul vai aplicar US$ 12,5 mil milhões dos empréstimos multilaterais para ligar o Cabo à rede eléctrica

0
260

A Eskom Holdings SOC Ltd. vai utilizar uma parte dos US$ 12,5 mil milhões de dólares de empréstimos multilaterais para fornecer energia a áreas onde a rede está sobrecarregada e a dificultar a transição para as fontes renováveis, de acordo com o o Ministro da Electricidade, Kgosientsho Ramokgopa

A expansão da rede de transmissão do País contribuirá significativamente para acabar com os cortes de energia e é crucial para pôr em funcionamento os projectos de energias renováveis, disse no domingo, 19 de Novembro, Kgosientsho Ramokgopa.

Torres de transmissão de electricidade perto de uma central eléctrica a carvão da Eskom: Leon Sadiki/Bloomberg

“Sabemos agora que a capacidade de transmissão se esgotou nessas áreas”, disse ele numa conferência de imprensa. “E isso prejudica a nossa capacidade de ligar os projectos de energias renováveis. Esta reserva de dinheiro vai ajudar-nos a ter acesso a isso”.

A África do Sul precisa de cerca de 390 mil milhões de rands (US$ 21,3 mil milhões de dólares) para reforçar a sua capacidade de transmissão e ligar à rede nacional projectos de energias renováveis em partes do Cabo Norte, Leste e Oeste, disse o ministro.

Devido às restrições de transmissão, muitas empresas de energias renováveis incluíram nos seus modelos de negócio opções para angariar fundos para a expansão da rede, disse Ramokgopa à agência Bloomberg,  

“Há um apetite insaciável”, afirmou.

SUBSCREVA O.ECONÓMICO REPORT
Aceito que a minha informação pessoal seja transferida para MailChimp ( mais informação )
Subscreva O.Económico Report e fique a par do essencial e relevante sobre a dinâmica da economia e das empresas em Moçambique
Não gostamos de spam. O seu endereço de correio electrónico não será vendido ou partilhado com mais ninguém.

Comentários